O GLOBO

Economia - Terça-feira - 14.05.2019

Depois do WhatsApp, teles miram no cliente pós-pago

Bruno Rosa

14/05/2019 - 14:30 h / Atualizado em 14/05/2019 - 20:13 h

Mas, apesar de maior geração de receitas, empresas ficam mais vulneráveis a calote de consumidores

Smartphones dispostos em uma parede na maior feira de telefones do mundo. Foto: PAU BARRENA / AFP

RIO - O aumento das comunicações por texto e áudio e das ligações via WhatsApp tem mudado o hábito dos brasileiros no uso da telefonia. Com isso, as principais empresas do setor de telecom estão concentrando seus esforços nos planos pós-pagos. A receita das linhas que têm uma conta no final do mês já é maior que o faturamento dos celulares pré-pagos (de cartão) em todas as operadoras do país.  De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), as linhas pré-pagas, que representam 55,3% de toda a base no país, tiveram queda de 12,7% nos últimos doze meses, chegando a 126,6 milhões.

Embora as receitas estejam maiores, o avanço dos planos pós-pagos é visto com preocupação por analistas, que temem o aumento da inadimplência entre os consumidores. No caso da Oi, houve alta de 4,4% nas provisões para devedores duvidosos devido principalmente ao calote no varejo em relação ao último trimestre de 2018. No mesmo período, na TIM houve avanço de 15,6%; e na Vivo o aumento com as provisões chegou a 16%.

Nesta terça, a Oi, ao divulgar seu resultado referente ao primeiro trimestre deste ano, destacou que as receitas de pós-pagos alcançaram 51% de todo o faturamento móvel, ultrapassando os celulares de cartão pela primeira vez, embora ainda representem 76% de toda a sua base móvel. O movimento é verificado ainda nas concorrentes TIM e Vivo, em que o pós-pago já responde, segundo dados da consultoria Teleco, por 62% e 81% das receitas, respectivamente. Os preços dos planos variam de R$ 40 a R$ 300 por mês, em média.

- Os planos pós-pagos, que incluem os planos controle, se tornaram 51% da receita pela primeira vez na história. O pré-pago está em declínio. Esperamos manter esse ritmo no segmento móvel. O crescimento no segmento móvel será puxado por essa migração do pré-pago para o pós-pago, já que o segmento residencial continua em queda e vai continuar caindo neste ano - disse Carlos Brandão, diretor Financeiro da Oi, em conferência com analistas.

Eduardo Tude, sócio da consultoria Teleco, lembrou que o aumento das receitas no pós-pago ante ao pré-pago é natural, já que o brasileiro vem reduzindo a quantidade de chips e se concentrando em apenas uma conta pós-paga, como um plano controle. A redução no volume de ligações por causa do aumento do uso de aplicativos como o WhatsApp também contribui para o movimento.

- As empresas estão em um esforço para aumentar a base de clientes com conta mensal. Na Oi, por exemplo, 70% de seus clientes são pré-pagos e 51% da receita já vêm do pós-pago. Isso é reflexo dessa migração para os planos de conta. E isso vai continuar, assim como já acontece com TIM e Vivo, que divulgam seus resultados no Brasil - explica Tude.

Aposta em serviços digitais

Para ele, as empresas vêm investindo na inclusão de serviços digitais (como música e vídeo) nos pacotes pós-pagos como forma de atrair mais consumidores.

- Os planos agora se caracterizam por voz ilimitada, cota de dados que cresce conforme o plano e serviços digitais inclusos - afirma Tude.

Assim, uma das apostas da Oi é o "Oi Play", que conta com 30 mil títulos de conteúdo, 45 canais, sendo que 28 têm também programação ao vivo. Outra aposta, segundo Brandão, é o reforço no investimento em fibra, que permite uma melhor conexão. Entre janeiro e março, os investimentos somaram R$ 1,7 bilhão, alta de 52% em relação ao mesmo período do ano passado.

Segundo Antônio César Carvalho de Oliveira, sócio da Acomp Consultoria e professor da Fundação Getulio Vargas, com o avanço dos aplicativos de mensagens como o WhatsApp, o pré-pago perdeu o sentido para o consumidor, pois o serviço de voz ficou praticamente gratuito.

- As pessoas usam a internet toda hora. Não tem como ficar mais fora do ar porque o crédito acabou. Ao mesmo tempo, as empresas começaram a perder receita com o serviço de voz. E, para voltar a ganhar valor no negócio, as teles deixaram o pré-pago de lado e passaram a investir em pacotes de internet no pós-pago e serviços de valor agregado como forma de elevar o faturamento de outra forma - diz Oliveira.

O especialista lembra ainda que o pré-pago dificulta o planejamento financeiro das empresas.

- Os pacotes com internet e serviços são uma forma de fidelizar o cliente. Por isso, vemos as empresas investindo em parcerias com outros aplicativos.  É claro que a inadimplência em pacotes de conta podem ser um problema com a economia fraca, mas as teles acabam ganhando no volume - acrescenta Oliveira.

A Vivo destacou, por exemplo, que a receita móvel total aumentou 4,7% nos primeiros três meses deste ano, influenciada, sobretudo, pela maior base de clientes de planos pós-pagos que contam com maior volume de dados em seus pacotes. O gasto médio mensal de um cliente pós-pago chega a R$ 53,2, contra apenas R$ 12,1 de um usuário pré-pago. Para isso, a tele vem investindo em diversas parcerias com empresas de streamig de música e vídeo, como Netflix, Amazon Prime Video e Tidal.

"Por outro lado, as receitas de voz continuam sendo afetadas pelo contexto macroeconômico, pela maturidade deste serviço devido à substituição de voz por dados, pela expansão dos planos ilimitados de voz e a redução das tarifas de interconexão", destacou a companhia.

Na TIM, as receitas móveis subiram 2,3% no trimestre devido à maior base de usuários de planos pós-pagos e controle. Na empresa, o número de usuários com pacotes de conta mensal subiu 11,4% neste ano ante 2018. No trimestre, o gasto médio mensal do cliente pré-pago foi de R$ 11,6 e o do pós-pago, de R$ 38,2.  Para estimular ainda mais o crescimento desses clientes, a empresa selou parcerias com companhias como Deezer, de streaming de música, além de Netflix, YouTube, Looke e Cartoon Network.

=================================================

Veja abaixo mais dicas da ACOMP sobre este assunto.

Eng. e Prof. Antônio César

Antônio César da ACOMP Consultoria e Treinamento

 

Estudos de Viabilidade ACOMP - Clique Aqui para mais informações !

 

É muito importante destacar que, toda a crise traz consigo grandes Oportunidades.

Vários outros fatores também irão influenciar diretamente as Vendas e o Resultado Operacional do Negócio, como a utilização de Inteligência de Mercado - Pesquisas de Mercado e Estudos Setoriais, a permanente atualização do Planejamento Estratégico, a profissionalização da Gestão Digital do Negócio, o correto Treinamento das Equipes, bons Produtos e Serviços, Atendimento de Qualidade, Inovação, Estudos de Viabilidade bem elaborados, adequação da Logística e das Formas de Pagamento, Avaliação mais profissional do Ponto Comercial, e por aí vai.

Pense nisso ! Veja agora na seção Serviços da ACOMP ou ligue para a ACOMP >> Tel. +55 (21) 2445-5444, e saiba mais sobre como podemos ajudar você, nesta missão de operar com sucesso um empreendimento comercial no varejo, em momentos de retração por parte dos Consumidores, seja ele uma Loja Física com ou sem Loja Virtual, um E-commerce profissional ou Marketplace, uma Franquia, um Supermercado, uma Rede de Lojas, ou mesmo um Shopping Center.

Veja também no portal ACOMP www.acomp.com.br , na seção de Notícias ou Depoimentos, dezenas de outras Reportagens, Entrevistas e Matérias sobre Negócios e Varejo.


Pesquisas de Mercado da ACOMP. Para mais informações - Clique Aqui !

------------------------------------------------------------

Entenda como nós podemos ajudar você, a ter Sucesso em seu Empreendimento:

Você está planejando montar seu primeiro Empreendimento ou Loja, ou pretende Expandir seus Negócios atuais com assertividade e segurança ?

A ACOMP pode prestar assessoria comercial personalizada:

> Estudos de Viabilidade

> Análise e Seleção do melhor Ponto Comercial

> Gerenciamento de Projetos e Elaboração de Manuais

> Auditorias Operacionais e Avaliação de Atendimento das Lojas

> Palestras, Treinamentos, Workshops e Cursos Especiais

> Pesquisas de Mercado e de Satisfação de Clientes

> Mentoria Empresarial e Coaching Executivo

> Plano ACOMP Empresa

São 4 tipos de Plano ACOMP Empresa, escolha o que melhor se adapta às suas necessidades. Sua Empresa terá um acompanhamento profissional e personalizado. Se preferir, contrate nossos serviços de Mentoria e Coaching Empresarial e Executivo. Seu sucesso será uma consequência natural.

Visite a seção Serviços do portal ACOMP. Clique aqui e saiba mais.

Clique aqui para mais informações !

------------------------------------------------------------

Você é um Empreendedor de Shopping Center, Construtor, Investidor, Administradora de Shoppings, Associação de Lojistas, ou Síndico de um Centro Comercial ?

A ACOMP pode desenvolver para seu Empreendimento:

> Estudo de Viabilidade Comercial

> Pesquisas de Mercado e de Satisfação de Clientes

> Auditorias Operacionais e Avaliação de Atendimento das Lojas

> Implantação ou Redirecionamento do Empreendimento

> Gerenciamento de Projetos e Elaboração de Manuais de N & P

> Implantação de Modelos de Gestão e da Qualidade Total

> Revitalização de Malls, Tenant Mix e Orientação para Expansões

> Planejamento e Desenvolvimento de Flea Markets e Outlets

> Palestras para os Lojistas e Equipes da Administração

> Treinamento para as Equipes de Vendas das Lojas

> Mentoria Empresarial e Coaching Executivo

> Plano ACOMP Shopping para o sucesso do Empreendimento

São 4 tipos de Plano ACOMP Shopping, um com certeza se adapta às suas necessidades. Atendemos todos os tipos de Shopping Centers (vendidos e alugados), Shoppings de Rua (a céu aberto), Shoppings Regionais, Temáticos, de Vizinhança, Flea Markets e Outlets, entre outros.

Podemos também, executar apenas as Auditorias Operacionais, Assessoria Comercial e Treinamento, para que Você invista com mais segurança e assertividade, e melhore a performance do seu Shopping Center . Clique aqui e saiba mais.


Plano ACOMP Shopping - Clique Aqui !

------------------------------------------------------------

Você só quer algumas Dicas ?

Visite o Portal ACOMP e veja as seções: Serviços, Depoimentos, Treinamento e Notícias. São mais de 250 (duzentas e cinquenta) entrevistas com Dicas de Negócios da ACOMP, disponíveis on-line.

Veja aqui o Perfil do Eng e Prof. Antônio César

Leia a reportagem - Por que contratar uma consultoria ?

Saiba mais - Valor de Consultoria Empresarial, Palestras e Treinamentos

Visite o site e veja outras Pesquisas e Estudos da ACOMP

Contrate a Assessoria da ACOMP Consultoria e Treinamento para executar o Planejamento Estratégico de seu Empreendimento, ou melhorar os Métodos e Processos, e a Operação. Com a expertise da ACOMP, seus lucros aumentam, Você trabalha menos, sua Equipe fica mais motivada, e o resultado global é muito melhor.


 

ACOMP Consultoria e Treinamento

Desde 1994

A única Consultoria do Mundo que disponibiliza para Você,
mais de 20 Serviços úteis e gratuitos on-line
.

• 1º site do Mundo em Marketing Cruzado.

• O site mais visitado por Empresários.

 

É só acessar

www.acomp.com.br

O site do Empresário !

 

 

Colabore para que possamos ampliar as
Dicas de Negócios gratuitas do portal ACOMP !


 

Contrate os Serviços da ACOMP ou as Palestras do

Eng.° e Prof. Antônio César, e indique para seus amigos e parceiros.

 


 

 

ACOMP Consultoria e Treinamento
"Soluções em Negócios"

Tel. + 55 (21) 2445-5444

www.acomp.com.br - O site do Empresário !

 

© Copyright 2019 - ACOMP - Todos os direitos reservados.