logo_jcom11a.gif (5213 bytes)

Sexta-feira, 9 de Março de 2001

Opinião / Perspectivas

Que iniciativa podem ser adotadas pelo Governo para reduzir a informalidade no mercado de trabalho no País?

"A reforma tributária tem de ser implementada pelo Governo, de maneira que as empresas possam contratar mais mão-de-obra. Essa será a principal iniciativa a ser tomada para finalizar com a informalidade no País. Por causa das alíquotas altas pagas pelas companhias, o empregado que não consegue ser aproveitado no mercado de trabalho formal busca trabalhar como automônomo ou sem vínculo empregatício, e isso diminui o número de pessoas com carteira assinada. O custo do empregado para as empresas é grande e muitas vezes os empresário preferem mantê-lo na ilegalidade para não pagar todos os tributos que recaem sobre a mão-de-obra".

JORGE LOBO
Sócio do Escritório Jorge Lobo & Paulo Cezar Pinheiro Carneiro Advogados Associados

"O Governo precisa reduzir e simplificar os impostos para as pequenas empresas, além de auxiliar de forma melhor o empresário que deseja ter acesso a linhas de crédito. Esses problemas levam o País a ter cada vez menos pessoas com carteira assinada. Os trabalhadores autônomos têm rendimentos maiores, mas em compensação não estão assistidos pelo Governo, que deve coordenar melhor esse processo. O excesso de carga tributária força o microempresário a continuar na informalidade. A tecnologia também está ajudando as pessoas prestadoras de serviço a permanecerem na ilegalidade, pois têm dificuldade de conseguir crédito para abrir seu próprio negócio".

ANTÔNIO CESAR OLIVEIRA
Diretor da Acomp - Consultoria e Treinamento

"O Brasil precisa, em primeiro lugar, reduzir a burocracia para que o empresário possa conseguir crédito para sua empresa. Outro ponto importante seria uma revisão urgente na legislação trabalhista, muita ultrapassada, pois ela não ajuda a pequena empresa. Além disso, é preciso criar novos postos de atendimento ao microempresário. A redução da carga tributária também tem de ser levada em conta".

JOSÉ HERDY DE BARROS
Presidente da Associação Comercial da Barra da Tijuca

 

Clique aqui para conhecer os Serviços da ACOMP


ACOMP Consultoria e Treinamento
Tel. 55 (21) 2445-5444 - www.acomp.com.br

O site do Empresário !