Sábado - 14 de janeiro de 2006

Economia & Negócios

Varejo antecipa liquidação

Lojas querem acelerar vendas e oferecem desconto de até 70%

Bruno Rosa

Depois de um Natal abaixo das expectativas, quando as vendas subiram apenas 2%, o varejo não perdeu tempo e antecipou uma verdadeira queima de estoques, que, tradicionalmente, só acontece no fim de fevereiro. E quem ganha é o consumidor, que pode aproveitar descontos que chegam a 70%. O objetivo dos lojistas é ganhar capital de giro para as compras da próxima estação e atrair os turistas, de férias no Rio de Janeiro.


Na avaliação de Antônio Cesar Carvalho, diretor da Acomp Consultoria e Treinamento, as grifes apostam nas liquidações cada vez mais cedo. Shoppings renomados do Rio de Janeiro começaram na semana passada o chamado ''saldão'', que normalmente acontece em março.

- Com um Natal fraco em vendas, as empresas precisam de dinheiro para saber o volume de mercadorias que precisam e podem comprar para a próxima coleção. Eles não têm como fazer os pedidos de inverno com a loja cheia de itens de verão - explica Carvalho, lembrando que grande parte do faturamento das redes no início de ano provém das peças em liquidação.

Na tentativa de esvaziar o estoque, a multimarca Dan Farah, no Rio Design Leblon, aposta nas liquidações, que representam toda a receita da loja neste início de ano, e chega a oferecer 50% de desconto. Pela metade do preço, a bolsa da Colcci passou para R$ 59 e a mini-saia com cristais Svarovsky caiu para R$ 85.

- As compras foram legais no Natal porque é o melhor mês do ano, mas ficaram abaixo do esperado. Fiz uma programação de estoque que acabou não saindo como eu esperava. Por isso resolvi antecipar a liquidação, até para aproveitar a forte concentração de turistas na cidade - afirma Daniela Farah, dona da loja.

Para Camila Alvarez, dona da grife Danäe, em Ipanema, as vendas abaixo das expectativas em dezembro fizeram com que a liquidação fosse antecipada. Com desconto de 30%, a queima começou na semana passada. Nos dias 19 e 20 de janeiro haverá oferta especial de 40% de desconto e, na compra de três peças, os preços ficam pela metade. Camila espera zerar o estoque. A liquidação acontece até o final de fevereiro.

Mesmo após o término da liquidação oficial do Shopping Nova América - que registrou alta de 40% nas vendas em relação a janeiro do ano passado -, as lojas continuam com os preços baixos. Na Phillippe Martin, grife que contratou um segurança particular para conter o fluxo de consumidores, os preços caíram pela metade.

- As pessoas esperam a liquidação para fazer as compras - explica o gerente Marcelino de Oliveira, depois de amargar um fim de ano sem grandes lucros.

Na Ellus, do Rio Design Barra, os descontos também chegam a 50%. Para a gerente Danielle Guimarães, a liquidação só acabará em março.

- As pessoas entram na loja e já perguntam sobre a liquidação. Querem saber o que está com desconto e quanto está custando. A repercussão nos trouxe ótimas vendas e por isso resolvemos estender o prazo.

Descontos até março


Para esquentar as vendas, a rede de cosméticos Boticário criou promoção inédita neste fim de semana. Todos os itens das linhas de sabonetes, desodorantes e da linha de colônias Splash (Acqua Vervain, Blue Musk, Fleur e Vert) estão com 15% de desconto.


Na Verty, do Ilha Plaza, a liquidação começou na semana passada. A peça mais cara da loja custa R$ 99. O vestido de malha passou de R$ 139 para R$ 99 e a camiseta baixou de R$ 25,90 para R$ 19.

- Os consumidores já têm procurado as promoções. Todas as peças estão com desconto. A liquidação irá até fevereiro, pois em março chegará a nova coleção. Até lá, a cada 15 dias remarcaremos as peças, fazendo várias promoções diferentes - afirma a gerente Patrícia Queiroz.

A Corpo & Alma segue a mesma estratégia. A cada semana os preços são remarcados. Com isso, o movimento aumenta gradativamente. Os descontos chegam a 70%, como o casaco twin-set, que passou de R$ 148 para R$ 49. Outra oferta é a calça capri, de R$ 148 por R$ 99.

- Além das ofertas, oferecemos pagamento facilitado, com cheque para 100 dias, o maior prazo do mercado - garante Érica Pereira, gerente da loja do Downtown.

Na Pervia, do Via Parque, os descontos de 40% em todos os produtos já mostram seus resultados. Segundo a gerente da loja, Renata Quaino, no primeiro dia de promoção, o crescimento das vendas foi de 70%. As peças mais vendidas são a blusa bordada, que passou de R$ 81 para R$ 48, e o vestido tomara-que-caia, que caiu de R$ 111 para R$ 66.

A economiária Contti Antoneti, aproveita as liquidações para encher o armário com roupas mais baratas.

- Eu prefiro fazer compras na promoção. Mesmo assim, estou pesquisando os preços das blusas e calças que quero comprar para gastar menos ainda. O meu dinheiro já acabou. Tem que procurar bem - disse ela.

=========================================================

Clique aqui e conheça o Plano ACOMP Shopping
Tudo que o seu Shopping precisa para ser um Sucesso !

 

Leia Mais...


Consulte-nos: ACOMP Consultoria e Treinamento - (21) 2445-5444

Clique aqui para conhecer os Serviços da ACOMP


ACOMP Consultoria e Treinamento
"Soluções em Negócios"
Tel. 55 (21) 2445-5444 / 9676-9040

www.acomp.com.br - O site do Empresário !